Abaixo as críticas!

critica

“Meus irmãos, se alguém for apanhado em alguma falta, vocês que são espirituais devem ajudar essa pessoa a se corrigir. Mas façam isso com humildade e tenham cuidado para que vocês não sejam tentados também.” (Gálatas 6.1)

Evitar críticas é uma pressuposto para que haja um bom relacionamento familiar. Quando criticamos alguém, ainda que seja uma crítica justa, nós o “colocamos para baixo”, o entristecemos. Na família, todos devem ser aceitos do jeito que são. Por isso, em lugar de críticas, apresente sugestões práticas. Fora isso, cabe a nós edificar, consolar, animar e apoiar. Esse é o papel da Família.

Texto extraído: Bíblia da Família. Nova Tradução na Linguagem de hoje; coletânea dos textos de Jaime e JudithKemp. Barueri, SP: Sociedade Bíblica do Brasil, 2006. p 1222.

Minha oração: Meus Deus obrigada sempre, meu Pai que eu sempre possa ver o mundo do outro me colocando no lugar nele, e que as pessoas que vivem comigo possam pensar da mesma forma em relação a mim, pois entristecer o outro não cabe a nós. Que eu possa calar em momentos que for tentada a criticar! E que consiga desenvolver a arte de sugerir em vez de fazer o mal! Amém!

Que todos nós tenhamos uma semana cheia de amor e leveza no coração!

beijo beijo

(Imagem via Google)

Deixe que o tempo com Deus substitua a Ansiedade

“Pois, se nem ainda podeis as coisas mínimas, por que estais ansiosos pelas outras?” (Lucas 12:26).

Ensaio Alessandra Honorio (43)Foto da minha querida Isla Grossi… com a Helena na barriga, como fui feliz com essa barriga!!!!

 

Nenhum de nós pode acrescentar um único momento a nossa vida ficando preocupado. Na verdade, deixamos de viver quando nos preocupamos. Além de desperdiçar tempo, a ansiedade é capaz de trazer problemas de saúde, que afinal poderiam encurtar a vida. Jesus pede que rejeitemos a preocupação porque, independentemente de nossos problemas, ele já os venceu: “No mundo tereis aflições, mas tende bom ânimo; eu venci o mundo” (Jo 16:33). Podemos ficar livres da ansiedade passando tempo com ele. “Multiplicando-se dentro de mim os meus cuidados, as tuas consolações reanimaram a minha alma” (Sl 94:19).
A ansiedade pode significar falta de confiança no cuidado de Deus por você. Ele proverá sua fidelidade se você se colocar diante dele. “Não pergunteis, pois, que haveis de comer ou que haveis de beber, e não andeis inquietos. Porque  os gentios do mundo buscam todas essas coisas; mas vosso Pai sabe que necessitais delas. Buscai, antes, o Reino de Deus, e todas essas coisas vos serão acrescentadas” (Lc 12:29-31).
Deus diz que não precisamos dicar ansiosos com nada; devemos apenas orar por tudo. Em vez de preocupar-se, leve eu suas preocupações àquele que é a fonte do consolo, da força e da esperança. Deus tem seu futuro nas mãos.

Texto extraído: A Bíblia da Mulher que Ora / Stormie Omartian. São Paulo: Mundo Cristão. 2007. p 919.

Minha Oração: “Senhor Jesus entro na sua presença para pedir perdão pelos meus anseios, esses que as vezes tomam conta de todos os meus pensamentos e me fazem desfocar do alvo, que é Cristo! Perdão, porque a humanidade que mora em mim é fraca meu Pai, pois eu não quero que isso chegue aos seus olhos como falta de confiança, mas apenas que preciso cada dia mais e mais de Ti, me fortalecendo e guiando meu coração, de forma que toda ansiedade não faça parte do meu presente! Em nome de Jesus é que faço essa pequena oração meu Deus. Amém! (Se vc ainda não “sabe” orar… e está passando por algo que esse texto trouxe paz para o seu coração ou abriu os seus olhos, busque a Deus repita essa pequena oração, certamente Deus saberá que é você quem o busca!)

Beijoca e até mais

Ale

Quando nossas orações desagradam a Deus

“O que desvia os seus ouvidos de ouvir a lei, até a sua oração será abominável.” (Provérbios 28:9)


siga-em-frente

Pode realmente haver uma ocasião em que nossas orações desagradem a Deus?

As Escrituras nos dizem que um dos resultados da desobediência é que nossas orações não serão ouvidas. A palavra “abominável” significa detestável ou odioso. Nenhuma de nós deseja que Deus assim considere as nossas orações!

É importante pedir sempre a Deus que Ele nos mostre o que deseja que façamos. Mesmo quando pensamos que estamos fazendo tudo certo, é sempre bom orar: “Senhor, mostra-me qualquer ponto em que eu não esteja obedecendo. Quero viver de acordo com Tuas regras”.

Jesus disse: “Se você quer entrar na vida, obedeça aos mandamentos” (Mt 19:17). Ele sabia que nada confere mais paz e confiança às pessoas que saber que estão agindo segundo o desejo de Deus. A Bíblia afirma que na obediência encontraremos misericórdia (Sl 28:6), paz (Sl 37:37) e felicidade (Pv 29:18). Não viver em obediência resulta em graves consequências (Pv 15:10), orações não respondidas (Pv 28:9) e incapacidade de receber o que Deus tem para nós (1 Co 6:9).

Andar em obediência diz respeito também às instruções específicas dEle. Se Deus instruiu você a descansar e você não o faz, isso é desobediência. Se Ele mandou que deixasse de fazer certo tipo de trabalho e você não atende, isso é desobediência. Deus sempre pode pedir-lhe que aceite um emprego diferente, suspenda certa atividade ou mude sua rotina em relação a algo. Não importa o que lhe peça, lembre-se de que Ele o faz para seu bem.

Os caminhos de Deus são sempre melhores que os nossos, e a obediência à Palavra abre o caminho para que nossas orações sejam ouvidas.

Texto extraído: A Bíblia da Mulher que Ora / Stormie Omartian. São Paulo: Mundo Cristão. 2007. p 586.

Minha Oração: “Deus, que eu aprenda da Tua Palavra mais e mais, para ser agradável a Ti! Me dá compreensão dos Teus caminhos de modo que eles se tornem parte de mim e me mantem no caminho reto para que minhas orações nunca sejam detestáveis. Em nome de Jesus, amém!”

Boa semana para todas(os) nós!

Ale

Agradeça a Deus porque ele a conhece e ama!

agradeça

Leia Salmos 139 e reflita.

“Senhor, tu me sondas e me conheces. Sabes quando me sento e quando me levanto; de longe percebes os meus pensamentos. Sabes muito bem quando trabalho e quando descanso; todos os meus caminhos são bem conhecidos por ti.” (Salmos 139.1-3)

Deus sabe tudo sobre você. Ele conhece seus pensamentos antes ainda de se formarem. “Antes mesmo que a palavra me chegue à língua, tu já a conheces inteiramente, Senhor” (SL 139.4). Ele conhece seus atos desde o momento em que você se levanta até o momento em que vai dormir. Mesmo quando o sono a reduz à inconsciência, ele continua a zelar por você.

Deus está em toda parte. Não há lugar onde você possa ir em que Deus também não esteja. Ele está com você nas experiências da vida no alto da montanha e também nos vales do desespero. Embora tendo sofrido em uma prisão nazista durante a Segunda Guerra, Corrie Ten Boom pôde escrever: “Não há abismo tão profundo que Deus não possa alcançá-lo”.

Deus fez um milagre ao criá-lo! É possível que você lute com seus sentimentos, e talvez não se sinta como um “milagre”, mas você é. É possível que se sinta mais como um “erro”, mas não é. Deus o formou e amou quando ainda estava no útero de sua mãe. Você foi criado à imagem dele (GN 1.27).

Sua vida não é um acidente, e o propósito dela foi estabelecido ainda antes de você nascer. Seu Pai Celestial sabe tudo sobre você, está presente em toda parte e realizou um milagre quando o fez. Louve a Deus todos os dias por ele conhecê-lo e amá-lo.

 

Texto extraído: A Bíblia da Mulher que Ora / Stormie Omartian. São Paulo: Mundo Cristão. 2007. p 563.

Meu Agradecimento: Deus tantas e tantas vezes já te agradeci por viver, por estar nesse mundo, por sempre ter segurado nas minhas mãos e principalmente por sentir a sua presença sempre ao meu lado! Dentre todos os meus agradecimentos… tem um que sempre vai tocar o meu coração e lembrar o porquê eu sirvo um Deus que é Amor, sempre me lembro desse agradecimento, pois juntamente com ele entendi que eu não tenho outro lugar melhor para estar do que na tua presença, pois o Senhor não permitiu que o Espirito Santo saísse do meu lado mesmo quando eu não queria que ele estivesse ali, que dorzinha que me deu no coração agora… mas isso é passado, e com Deus eu vivo no presente e todos os dias eu O Agradeço por me conhecer tão bem e me amar mais ainda! Que sempre seja assim, amém! (Ale – Mãe Com Amor)

Beijo e mais uma semana de entendimento e conquistas!

Sobrevivendo ao desapontamento – Parte 2

menino triste

“Ainda que eu tenha caído, levantar-me-ei; se morar nas trevas, o Senhor será a minha luz” (Miquéias 7:8).

Como é maravilhoso saber que até mesmo nas trevas da nossa criação, Deus está presente e também sua luz.

Penso que é isso que nos faz amá-lo mais: sua graça. Compreendermos quão pouco a merecemos e quão pouco correspondemos a sua glória. Apesar disso, ele nos ama e aceita. Por mais que falhemos, Deus extrai o bem da situação se o buscamos humildemente.

Deus não raro permite que coisas difíceis nos aconteçam para nos abençoar de alguma forma. Se estivermos dispostas a permiti-lo, seremos salvas da destruição provocada por pessoas e situações, as quais serão finalmente usadas para a glória de Deus. Se entregarmos o desapontamento a Deus e dissermos: “Sê a minha luz e guia-me, Senhor”, a obra divina será realizada mais rapidamente. Quando coisas decepcionantes lhe ocorrem, peça que Deus a ajude a discernir sua verdade sobre o que você está experimentando. Peça que ele, e não seus sentimentos reinem na situação. É fácil irar-se ou ficar magoada, mas muito mais compensador é descobrir a bênção de Deus no ocorrido. Ele se agrada quando, em meio ao desapontamento, você tem fé suficiente para depositar nele sua esperança e suas expectativas.

Quando experimentar decepção, não corra para os braços da amargura ou falta de perdão. Corra para os braços do Pai, para que ele possa confortá-la e sustentá-la.

Se você mantiver um coração humilde, submisso, cheio de fé e esperança, verá a bondade de Deus manifestar-se. Ele usará essa experiência para aproximar você dele e seu maior tesouro será a sensação profunda da sua Presença.

Texto extraído: A Bíblia da Mulher que Ora / Stormie Omartian. São Paulo: Mundo Cristão. 2007. p 807.

Boa tarde!

Para quem gostaria de ver a primeira parte desse texto segue o link: http://wp.me/p4krmb-tG

Beijo da Ale

Sobrevivendo ao desapontamento – Parte 1

Constanze Bruchsal, Baden-Württemberg, Germany 2005-12-18 / © MARK GROSS

O desapontamento é inevitável, pois a vida nem sempre acontece como imaginamos. Então, como sobreviver ao desapontamento? Como atravessar essas fases sombrias? Que tipo de consolo podemos esperar?

Os piores momentos de decepção normalmente ocorrem quando alguém falha conosco, ou pelo menos sentimos que falhou. As pessoas podem magoar-nos profundamente. Algumas vezes elas sabem o que estão fazendo, enquanto outras vezes só fazem o melhor que podem com as ferramentas que possuem. Em qualquer caso, o nível de realização e felicidade que experimentamos na vida não depende de outras pessoas; depende de Deus. É claro que confiamos em pessoas com relação a certas coisas, e é doloroso quando elas nos desapontam. No entanto, o êxito ou a alegria máxima da vida não deve depender delas. Não temos de prolongar o sofrimento em relação ao que as pessoas nos fazem ou não, porque no fim das contas nossa recompensa está nas mãos de Deus.

É também muito decepcionante quando cremos que nós falhamos de alguma forma, talvez por descuido ou apesar de nossos melhores esforços. Ou pensamos que falhamos quando, na verdade, não falhamos de nenhum modo. Sentamos então no escuro, torturando-nos. O remorso e a condenação nos abatem como uma gigantesca marreta que nos atinge a alma. “Se eu apenas não tivesse… Se eu tivesse… Por que não fiz…”. É um peso que não podemos carregar e para o qual não fomos feitas.

Mesmo quando temos de suportar as conseqüências das escolhas erradas que fizemos, Deus continua ao nosso lado.

Texto extraído: A Bíblia da Mulher que Ora / Stormie Omartian. São Paulo: Mundo Cristão. 2007. p 807.

Minha Oração: Senhor Jesus muito obrigada por mais um dia! Hoje a minha oração é para pedir pela minha vida e por todas as pessoas que ainda sofrem com desapontamentos… infelizmente quando sofremos com isso é porque criamos expectativas que vão além do que as pessoas podem nos oferecer… Senhor nos ajuda a aceitar o que as pessoas conseguem nos oferecer sem cobranças e falsas expectativas. Amém.

Que a nossa semana seja iluminada por Deus!!!!!!!!!!!!

Ale

Nada ou ninguém resiste ao poder de Deus

“E o Senhor lhes disse: Não fique com medo desses reis, pois eu já lhe dei a vitória. Nenhum deles será capaz de resistir.” (Josué 10:8)

Fortalecido pelo Senhor Deus, Josué parou o sol no céu e atrasou seu acaso por quase um dia inteiro. A Bíblia nos revela o seguinte: “Nunca tinha havido e nunca mais houve um dia como este… Isso aconteceu porque o Senhor combatia a favor de Israel.” (Josué 10:14)

O poder de Deus não mudou, continua o mesmo. Ele ainda é capaz de realizar milagres, como antigamente. Portanto, seja qual for o temor ou a ansiedade que invadirem sua alma, lembre-se que o Senhor quer combater a seu favor. Nunca menospreze o poder desse aliado!

  • Ore e Agradeça a Deus o fato de que ele sempre luta por você e sua família.
Texto extraído: Bíblia da Família. Nova Tradução na Linguagem de hoje; coletânea dos textos de Jaime e JudithKemp. Barueri, SP: Sociedade Bíblica do Brasil, 2006. p 219.

nadanemninguem

Minha Oração: Meu Deus como te agradecer?! Como agradecer por esse amor que me transforma e fortalece a cada dia?! Como agradecer pelo seu poder em minha vida… sempre, sempre e sempre??? Mesmo como não saber a forma “melhor” e “certa” me coloco diante de Ti para agradecer por ter me acompanhado até aqui, porque eu sei que foi por Tua misericórdia que estou aqui e reconheço o seu poder na minha vida e na vida de toda a minha família, pois durante todos esses anos que aqui vivi, já vi sim muitos milagres Teus realizados a minha volta!!!!! Porque VIVO está! Amém.

Que possamos começar a nossa semana fortalecidos no poder de Deus!

Beijos e mais beijos, Ale

Estou sempre ao teu lado

“Seja forte e corajoso! Não fique desanimado, nem tenha medo, porque eu, o Senhor, seu Deus, estarei com você em qualquer lugar que você for!” (Josué 1.9)

Algumas noites, a insônia vem me fazer companhia. Apesar de ir deitar cansado, depois de um dia agitado de trabalho, de repente o sono vai embora […] Quando isso acontece, inevitavelmente meus pensamentos começam a vagar e, muitas vezes, eu sinto medo. São as preocupações , e as pressões que despertam esse medo que me tira o sono. […]

O medo segue nossos passos como se fosse uma sombra. Ele ataca tanto os fracos como os fortes. […] O medo consegue aprisionar o ser humano, limitando suas ações e movimentos. Nessa prisão, o Senhor pode se transformar em inimigo, em vez de libertador.

Você lembra de algum problema que enfrentou, quando Deus veio em seu auxílio, dando à você a vitória? O fato de o senhor ter sido fiel no passado pode ajudá-lo a combater esse sentimento no presente? Deus está caminhando ao nosso lado, seja nos momentos de aflição, seja nos de alegria. Seu poder é infinito e ele pode nos ajudar a vencer qualquer um de nossos temores.

Texto extraído: Bíblia da Família. Nova Tradução na Linguagem de hoje; coletânea dos textos de Jaime e Judith Kemp. Barueri, SP: Sociedade Bíblica do Brasil, 2006. p 211.

deus-te-ajuda

Minha oração: Deus como é maravilhoso poder contar contigo! Me achegar a ti tira todo o medo do meu coração! Obrigada por me dar certezas nessa vida! Obrigada por me fazer entender que o Seu tempo chega para todos nós! Hoje eu confesso que tenho alguns medos sim, mas eles ficam tão pequenos quando penso que tenho o Deus maior e que me faz entender que as vezes os meus medos servem para que eu seja mais cautelosa… Senhor não deixe que o medo venha atrapalhar as nossas vidas, mas sim, que quando ele apareça nós nos voltemos para ti pedindo a sua ajuda! Amém!

Ale – Mãe com Amor

Educação de Filhos

Perguntas para sua reflexão:

  • Como pai ou mãe, você ama a Deus com todo o seu coração, com toda a tua alma e com todas as suas forças? Você é um exemplo de fé para os seus filhos?
  • Como pai ou mãe, você guarda no coração os ensinamentos de Deus?
  • Como pai ou mãe, você conversa espontaneamente com seus filhos a respeito das coisas de Deus?

Coloque em prática:

  • Planeje a educação cristã de seus filhos. Leia a bíblia com eles. Orem juntos.
  • Ensine os seus filhos “em casa”.
  • Ensine os seus filhos “fora de casa”.
  • Ensine os seus filhos “quando se deitarem”.
  • Ensine os seus filhos “quando se levantarem”.

Se quiser leia: Deuteronômio 6. 1-9 aonde Moisés fala sobre o grande mandamento 😉

Texto extraído: Bíblia da Família. Nova Tradução na Linguagem de hoje; coletânea dos textos de Jaime e Judith Kemp. Barueri, SP: Sociedade Bíblica do Brasil, 2006. p 180.

educaçãodefilhos

Minha oração: Senhor Jesus e Deus obrigada mais uma vez pela maternidade, mas eu peço a cada dia entendimento, sabedoria e discernimento para que eu possa criar as minhas filhas crentes na tua palavra! Me ensina Deus como devo fazer, porque sozinha eu não sei… mas sei que com a sua ajuda e orientação eu terei filhas que respeitarão o pai e a mãe como está escrito nos seus mandamentos. Em teu nome eu te peço por mim e por todos os pais e mães tementes a ti, amém!

Ale – Mãe com Amor

A graça de Deus nos relacionamentos

relacionamentos

Gênesis 45:3-15

Quando lemos na Bíblia sobre a vida de José, invariavelmente sentimos uma grande admiração por esse servo do Senhor e sua firmeza de caráter. Ainda jovem, ele foi traído por seus irmãos, vendido para mercadores e feito escravo numa terra desconhecida. Em seguida, foi preso injustamente, vítima de injúria. Mas Deus mudou sua história e o tornou poderoso. De qualquer forma, José sofreu muito depois que foi violentamente separado do convívio do pai, que o amava tanto. Muito tempo depois, quando já era o segundo em poder no Egito, tendo acima de si na hierarquia somente o Faraó, ali estava José diante de seus irmãos, que não o reconheceram e pediam que os ajudasse vendendo-lhes alimento, numa ocasião de fome sobre a terra. Esquecendo a tirania que esses irmãos cometeram contra ele no passado e quase não conseguindo controlar sua emoção, José os abraçou, revelou quem era e os consolou: “Não fiquem tristes nem aborrecidos com vocês mesmos” (vs.5). Além de perdoá-los, ele lhes ofereceu casa e alimento pelo resto da vida deles. José perdoou seus irmãos e cuidou deles. Sua atitude ficou marcada através da história como exemplo de graça nos relacionamentos. José tornou-se uma figura do próprio Cristo, que nos perdoou mesmo diante do nosso pecado e ainda cuida de nós, apesar de continuarmos falhando com ele. Nada do que fazemos ou possamos fazer fará com que Deus nos ame mais ou menos. Ele nos ama unicamente pela sua graça, por causa de Cristo. Jesus morreu na cruz, completou sua missão para que nos tornássemos dignos de receber o amor do Pai. Esse mesmo amor e graça incondicionais precisam existir nos relacionamentos familiares, entre marido e mulher, pais e filhos, irmãos e irmãs, pois é uma benção desfrutar desse amor em família.

Texto extraído: Bíblia da Família. Nova Tradução na Linguagem de hoje; coletânea dos textos de Jaime e Judith Kemp. Barueri, SP: Sociedade Bíblica do Brasil, 2006. p 53.

Minha Oração: Senhor Deus diante de Ti estou aqui unicamente para te adorar e servir, compartilhar da tua palavra e aprender dela, me faz entender a cada dia mais que o mundo pode mudar, desenvolver várias tecnologias e tals, mas quando se trata de sentimentos e relacionamentos não há algo que nos deixe em paz do que quando nos achegamos mais perto da sua vontade e sentimos calma, pois só assim conseguiremos amar o nosso próximo como a nós mesmo! Obrigada pela tua palavra meu Deus! Amém